sexta, 03 julho 2015 13:24

Os Paredenses na Grande Guerra por Ivo Rafael Silva (Arquivo de Imprensa 2014-2016)

O site Portugal 1914 reflecte aqui uma série de artigos produzidos por Ivo Rafael Silva, Investigador do Centro de Estudos Interculturais do ISCAP/IPP, os quais foram publicados em dois jornais portugueses, o "O Progresso de Paredes" e "O Paredense". A contribuição de Ivo Rafael Silva para o conhecimento da vida e da passagem de soldados portugueses do concelho de Paredes pela Grande Guerra ainda continua. Razão pela qual actualizaremos a documentação que aqui apresentamos sempre que o autor - ao qual agradecemos a confiança e o espírito de partilha - publicar mais artigos, complementando a sua já vasta e preciosa investigação.
Perguntámos a Ivo Rafael Silva - Investigador do Centro de Estudos Interculturais do ISCAP/IPP o porquê desta sua dedicação a Paredes e o que o levou a escrever estes artigos. Nascido neste concelho, refere-nos Ivo Rafael Silva que a ideia terá surgido na sequência dos estudos históricos e etnográficos que, desde 2005, tem vindo a desenvolver localmente, e que já se traduziram em publicações várias (de monografias a artigos em publicações periódicas diversas). Porque atravessamos presentemente uma época de evocação do centenário da Grande Guerra, e visto que o tema nunca foi tratado no que diz respeito ao concelho de Paredes, este investigador empenhou-se no sentido de tentar colmatar essa lacuna historiográfica. O facto de ter prática de investigação e de a desenvolver também enquanto membro do Centro de Estudos Interculturais do ISCAP (IPP) acabaria por facilitar e auxiliar em todo este processo.

O desafio viria a surgir após a sua deslocação ao Arquivo Histórico Militar, onde teve a percepção de que este trabalho, embora longo, seria de facto exequível, sentido que o mesmo era relevante, não só para a área geográfica a tratar, mas também enquanto amostra que permitiria uma percepção alargada de o que foi o conflito e a participação portuguesa no mesmo (visto que se tratam de mais de 150 perfis potenciais a estudar e analisar). Tudo começaria com um levantamento inicial, efectuado no índice do AHM, disponível online. Depois iniciar-se-iam as visitas presenciais ao arquivo, as consultas, a leitura e estudo de bibliografia sobre o tema, bem como a elaboração de alguma pesquisa genealógica. O resultado final seria o de conjugar tudo num texto que fosse o mais claro e o mais detalhado possível.

Para isso, e para que o material pudesse chegar até si, muitos foram os dias em que Ivo necessitou investigar em Lisboa, no AHM, tarefa dificultada pelo facto do investigador morar no distrito do Porto. Ali recolheu informação das fichas de cada militar, e recolheu informação que viria depois a pedir ao arquivo, por falta de tempo e por serem mais difíceis as deslocações. Efectuou igualmente pesquisar bibliografia online e recorreu a bibliotecas públicas, consultou o arquivo distrital e os respectivos registos paroquiais; e, por fim, quando possível, chegou mesmo a falar com alguns familiares ou com pessoas que chegaram ainda a conhecer estes combatentes do concelho de Paredes.

O resultado pode agora ser lido consultado nesta série de artigos, os quais Ivo Rafael Silva continua a escrever, agora n´«O Paradense», pese embora tenha iniciado este percurso no jornal «O Progresso de Paredes», com o qual manteve a sua colaboração até 2 de Janeiro de 2015.

Continuaremos a publicar os artigos deste jovem investigador, que nos dá a conhecer um pouco mais sobre a Grande Guerra e sobre quem a viveu. Para lê-los bastará fazer o download dos artigos, os quais foram amavelmente cedidos pelo autor, e aguardar pelas próximas actualizações.
Ler 3859 vezes

Comentários

Comentar...

Últimos Artigos